Publicidade

terça-feira, 23 de dezembro de 2008 Sem categoria | 20:36

DISSECAÇÃO DO INDICADO – DÚVIDA / “Doubt” – Parte 2

Compartilhe: Twitter

“DÚVIDA”

Ao lermos o título do filme, já podemos concluir algo. E esta é a grande questão do filme. Será que a dúvida pode ser a certeza de algo ou a confirmação?

É claro que não traremos Spoilers que prejudicaram a sua curiosidade do filme.

Todos aqueles que viram o trailer posto no post passado, podem constatar a grande tensão entre a irmã Aloysius Beauvier e o Padre Flynn. O mais interessante do filme é que os dois personagens estão na mesma doutrina, a igreja católica.

Porém, os dois estão em vertentes opostas, que são: Verdade – Mentira, Dúvida – Certeza, Moderno – Tradicional. O choque é inevitavel.

Com isso, dois novos personagens aparecem na hitória para completar o clima dramático que se forma. Esses novos personagens tendem a seguir um lado, e mudar de lado no momento em que a Dúvida é implatada pelo Padre ou pela Irmã.

Outro ponto interessante é que a dúvida também é implantada nas cabeças dos telespectadores.

“Dúvida ” já é considerado como um dos melhores filmes do ano, com um elenco estrelar e de grande conexão de atuação.

CATEGORIAS INDICADAS AO GLOBO DE OURO

Melhor Atriz – Drama – Meryl Streep

Meryl consegue dar o seu toque especial para essa nova personagem. A irmã Beauvier é a pessoa que implanta a dúvida na cabeça de todos, menos o padre, é claro. Ao ter o seu poder na paróquia ameaçado pelo padre, ela se torna cada vez mais severa e contra as novidades modernas. Quando sabe pela irmã James que o padre chamou o estudante negro na diretoria, ela toma a decisão de acreditar que houve um abuso sexual.

 

 

 

Melhor Ator Coadjuvante – Philip Seymour Hoffman 

Hoffman atua como verdadeiro inocente, mas será que ele é?. Não existe evidência ou testemunhas, isso é o que ele afirma com muita certeza. O seu jeito bondoso e amigo do único garato negro da escola, traz desconfianças por parte da Irmã Beauvier. A tensão entre os dois é evidente a cada minuto visto no trailer. Ele tenta colocar a modernidade, que a irmã é totalmente contra.

 

 

 

 Melhor Atriz Coadjuvante – Amy Adams 

 Amy passa através de sua personagem a inocência de uma irmã muito manipulável. Ela mesma comenta com a Irmã Beauvier do encontro do padre e do estudante. O comentário se deve a sua desconfiança já influenciada pela irmã Beauvier. Porém, a irmã James se vê num muro, pois ela sabe que não existem provas, sendo que por ser manipulável ela segue os planos de Beauvier. A sua conciência é a única emoção da qual mantém longe de todos até dela mesma. 

 

 

 

 Melhor Atriz Coadjuvante – Viola Davis

Viola realmente vive a mãe atormentada, que luta mentalmente com a possibilidade do abuso do seu filho. Ao cogitar essa possibilidade, as suas forças caem por terra fazendo com que a Irmã Beauvier se aproveite dessa situação. Ela também não quer acreditar nisso, porque na escola onde todos o odeiam, o padre é o único amigo do seu filho , contudo, ela tem que se preocupar com o bem estar do seu filho. 

 

 

 

 

Melhor Roteiro

Quer saber mais entre no site oficial

 

 

“Dúvida” é um dos grandes filmes de 2009 com enormes possibilidades de vencer prêmios de atuação.

Autor: Tags:

Nenhum comentário, seja o primeiro.

Os comentários do texto estão encerrados.